Wednesday, Jul 23rd

Last update08:54:41 PM GMT

You are here Cursos de Associados Liderança: motivação e trabalho em equipe.

Liderança: motivação e trabalho em equipe.

E-mail Imprimir PDF

Eduardo Rocha, CMC, associado ao IBCO e diretor da dsg-Eduardo Rocha e Associados.

Objetivo
Maximizar a habilitação do profissional para a gestão eficaz de pessoas, individualmente ou em equipes.
• Reconhecer os fatores de adaptação eficaz às mudanças.
• Refletir sobre o papel de liderança/gerência nas organizações.
• Analisar as habilidades necessárias para exercer o papel de liderança/gerência.
• Reconhecer os principais aspectos de seus próprios valores gerenciais/liderança e pessoais e as repercussões no comportamento de trabalho.
• Identificar principais características e consequências do seu estilo interpessoal no trabalho.
• Reconhecer o processo de motivação do ser humano e o papel do líder/gerente neste processo.
• Analisar informações sobre seu comportamento enquanto líder/gerente.
• Identificar ações práticas para o aumento da eficácia do trabalho de equipe.
• Propor medidas práticas para a maximização de sua eficácia de líder/gerente.

Programa
• Introdução.
o Este seminário no contexto atual.
o Preenchimento de instrumentos de reflexão.
o Apresentação dos participantes e coordenadores.
o Expectativas com relação ao programa, objetivos e metodologia.
o Procedimentos operacionais.

• A Organização.
o A Organização e seus subsistemas - técnico e social.
o Cultura organizacional.
o Adaptação produtiva às mudanças.
o Estratégia de mudança organizacional.
o Estilos de aprendizado.
o Balanceamento entre dificuldade e habilidade.

• Papel do Gerente/líder.
o Obtenção de resultados.
o Habilidades do gerente.
o Proporção da necessidade do uso.

• Valores Gerenciais/liderança e Pessoais.
o Processo de percepção e atitudes - da intenção à ação.
o Comportamentos derivados e estilos gerenciais e de liderança.
o Gerência participativa por resultados.

• Relacionamento Interpessoal no Trabalho.
o Os estilos interpessoais - qualidade do relacionamento.
o Processos de exposição e solicitação de "feedback".
o Reações ao receber "feedback".
o “Dicas” para dar "feedback".

• Motivação
o O processo motivacional do ser humano.
o Hierarquia das necessidades humanas.
o Maturidade e desenvolvimento.
o Qualidade de vida no trabalho.
o Assertividade e empatia.

• Eficácia do Trabalho de Equipe.
o Aproveitamento de recursos - sinergia.
o Estilo interpessoal e motivação - consequência para o trabalho de equipe.
o Administração dos conflitos e aumento da criatividade.
o Administração do consenso e aumento do comprometimento.
o Competição e cooperação.
o Processo de envolvimento dos participantes.
o Práticas de envolvimento.

• Proposta de Ações
o Autodesenvolvimento.
o Desenvolvimento da equipe.
o Desenvolvimento da integração funcional.
o Acompanhamento e avaliação.

• Fecho e Avaliação Final.

Metodologia
Será fundamentada nos seguintes preceitos:
A sustentação da eficácia numa organização tem como primordial o FATOR HUMANO e este, necessariamente, deve desenvolver-se a níveis de excelência compatíveis, sendo o papel gerencial/de liderança prioritário.

As pessoas não resistem à mudança, mas sim a "serem mudadas", portanto, para a mudança de comportamento, devemos buscar o seu comprometimento, que é consequência de seu envolvimento.

A função do consultor é fornecer informações relevantes para reflexão, criando clima apoiador para a conscientização e decisão de mudar, que é de cada um.

Os participantes são adultos, portanto as técnicas utilizadas devem ser as da andragogia - educação de adultos -, propiciando a aprendizagem através de absorção de conceitos abstratos - teorias -, observação reflexiva, experimentação ativa - vivencial - e experiência concreta.

Os conceitos devem ser apresentados de forma não diretiva e têm a função de aumentar o conhecimento - cognitivo - do participante, diminuindo sua insegurança e sua reação emocional de resistência à mudança.

O grupo deve ser encorajado a apresentar e reconhecer seus próprios valores, recursos e conhecimentos, gerando criatividade através da administração eficaz dos conflitos e a buscar a compatibilidade produtiva através do consenso.

As correntes teóricas, mesmo que antigas, não devem ser descartadas em prol das "modernas" sem uma avaliação profunda da aplicação real de seus princípios e a relação "causa e efeito".

Levando em consideração os preceitos apresentados, as técnicas a serem usadas no seminário serão:
• Exposição interativa e debates em plenário;
• Análise de instrumentos de reflexão;
• Discussões preparatórias em grupos heterogêneos;
• Exercícios lúdicos de sensibilização;
• Exercício de solução de problema em grupo;
• Trabalho prático para proposição de ações.

A quem se Destina
Gerentes experientes que estão procurando uma oportunidade para repensar suas práticas, através de reflexão e reciclagem, para torná-las mais eficazes.
Coordenadores e líderes de grupos "ad-hoc", células de produção, projetos e outros.
Gerentes que necessitem adquirir conhecimento e habilitação para maior eficácia na sua gestão.

Coordenador e Instrutor: Eduardo Rocha

- Certified Management Consultant - CMC, pelo The International Council of Management Consulting Institutes- ICMCI.

- Consultor de empresas desde 1984.
- Conduziu diversos processos de Mudança e Desenvolvimento Organizacional, Planejamento Empresarial, Qualidade de Serviços e Desenvolvimento Gerencial em aproximadamente 220 organizações de pequeno, médio e grande porte no Brasil em 15 estados e DF.

- Conduziu em torno de 470 seminários e palestras, e também participou de projetos para a FIA-FEA-USP, UNICAMP, FGV-EPGE, Boucinhas & Campos e PriceWaterhouseCoopers.

- Tem 20 anos de experiência gerencial adquirida em empresas nacionais e multinacional nas áreas de Recursos Humanos, Planejamento e Tecnologia de Informação.

- Professor, em 2006, do MBA - FGV - EESP - da Indústria Farmacêutica - Curso de Liderança.

- Foi Representative to council -ICMCI – The International Council of Management Consulting Institutes - ICMCI - de 2002 a 2006.

- Membro Vitalício do Conselho Consultivo do IBCO - Instituto Brasileiro dos Consultores de Organização - Diretor de Desenvolvimento Profissional, de 2002 a 2004 e 2006 e Presidente de 1996 a 2002.

- Examinador do PPQG - Prêmio Paulista de Qualidade de Gestão - 2001.

- Foi secretário da ABTD - Associação Brasileira de T&D.

- Coordenador da Câmara Setorial de Educação e Treinamento - 1994.

- Coordenou projetos do Programa Sebrae de Qualidade Total - 1993/1996.

- Foi professor dos cursos de extensão da FMU (Faculdades Metropolitanas Unidas), da FAAP (Fundação Armando Álvares Penteado), FIA-FEA-USP (Curso de Especialização em Gestão Empresarial) e pós graduação em Consultoria das Faculdades Reunidas de Palmas - PR, UNIVEL- Cascavel/PR, Fundação Getúlio Vargas – EPGE, Universidade do Contestado - SC e UNISA - Universidade de Santo Amaro.

- Palestrante em diversas Universidades e Entidades Empresariais e, mais recentemente, no 30º Congresso Mundial de Treinamento e Desenvolvimento- ABTD -IFTDO.

- Teve várias entrevistas e artigos publicados em periódicos especializados, prefaciou o livro “Todo cliente tem o consultor que merece” de Luiz Augusto Costacurta Junqueira e escreveu o capítulo “The Brazilian Consulting Market” no livro The International Guide to Management Consultancy - Second Edition - agosto 2003.

- Cursou Administração de Empresas e o Curso Especial de Administração para o Desenvolvimento de Executivos do Setor Elétrico- FEA – USP e manteve educação continuada nas áreas de Gestão por Resultados, Gestão de Mudanças e Cultura Organizacional, Desenvolvimento Gerencial, Administração Estratégica, Qualidade em Serviços e Sistemas de Informação Gerencial.

Contato: Eduardo Rocha, CMC. Tel.: +55 11 2476-4945.